segunda-feira, 9 de julho de 2012

Talvez tu e eu - parte 8


E aqui vai a continuação da história.

Tumblr_m6q5oetvak1qm3ooto1_500_large 
Tinha acabado de sair do bar. Precisava de ir à loja dos meus tios mas não me apetecia conduzir e, como a distância não justificava, fui a casa buscar a bicicleta da Catarina. Dirigi durante alguns minutos enquanto aproveitava para rever a vila.

Na loja:

Bati mas ninguém respondia. Receava que estivesse fechada mas rodei a maçaneta e abri-a fazendo soar o sino de entrada. Aquele sino que ali estava desde que me lembrava.

Eu - Tio? Tia? - perguntava vagamente enquanto entrava na loja.

De repente, surge um rapaz ao balcão.

Ele - Estamos fechad...Vera!
380669_390257357688678_2108962453_n_large 
E era o Pedro.

Eu - Pedro! Pensava que fosses surfar...

Aquilo não podia estar mesmo a acontecer.

Pedro - Ya. Quer dizer, não deu. Prometi à tua tia que dava uma ajuda com as encomendas de uns livros.
Eu - É simpático da tua parte.

Ele sorriu.

P- Então porque é que não foste com eles? Nunca foste envergonhada...

Disse enquanto remexia na pilha de livros que tomava lugar em cima do balcão.

Eu - Está descansado que não fiquei. Só precisava de falar com os meus tios.

Ao que parecia, ele não tencionava mencionar nada sobre o que tinha acontecido na noite anterior. E eu ficava aliviada.

P - Sabes, eu acho que precisamos de tempo para falar. Tenho saudades de falar contigo.
Eu - Talvez não seja boa ideia...
P - Que tal num almoço? - disse interrompendo-me
Eu - Pedro...
P - Apenas dois amigos a almoçar. Nada de mais. E a comida claro.

Não consegui conter o riso.
Ele pôs uma expressão de súplica no rosto e os seus olhos azuis olhavam os meus claramente à espera de uma confirmação.

Eu - Um almoço. E é só.

6 comentários:

Ana M disse...

Mais um bocadinho... eu estou a gostar imenso :)

Íris disse...

Escreves lindamente :)

Love & Things disse...

Adoro a história, dou por mim a vive-la :D

Amante Japonesa disse...

Gostei imenso (:

- Dii - disse...

tão pequenina... é o único defeito

Melany disse...

Esta história está mesmo a ficar fantástica :oo